Mulher Iraniana

No Brasil, o fato é que não há mais critério nas questões familiares. As pessoas casam e descasam como se trocassem de trabalho. Existem casos de pessoas que não ficam casadas um ano inteiro, e desistem de seus votos. Mas aqui, não tem problema, se alguem adultera, é capaz do outro ter que indenizar o adúltero por calúnia e difamação, quando é acusado pelo parceiro, de adultério. As regras são bem diferentes para países islâmicos. Lá, a pessoa do sexo feminino é apedrejada se adulterar. E isso não vale apenas para a mulher!!! Pesquisei no Site Islâmico Brasileiro. Mas vamos lá. Agora, o nosso Excelentíssimo Presidente Luiz Inácio “Lula” da Silva oferece asilo à iraniana adultera! Sim senhor, “seu” Presidente! Traga as adúlteras e os irresponsáveis para o Brasil! Não que ela não deva ser perdoada! O problema é que a gandaia está institucionalizada! Será que os brasileiros se importam? Que coisa! Fonte: BBC Brasil

Tags: , , ,

3 Respostas to “Mulher Iraniana”

  1. Walter Pries Says:

    Oi, Nelson. Nossos parabens pelo blog. Gostamos muito. Os Waltuci.

  2. Nelson Schwarz Says:

    É, assim sendo, se ela não é adúltera, quem prova o que? Aliás quem acusa não sou eu, e sim o Governo do Irã! Obrigado pelo comentário.

  3. Jose Says:

    Eu preferia que esta mulher, “adúltera” como dizes, seja recebida como asilada no Brasil, do que deixada para ser executada por lapidação (a pedradas) no Irã.

Os comentários estão desativados.


%d blogueiros gostam disto: